Exercícios para emagrecer

Exercício por si só não vai ajudar você a perder peso.

Isso não quer dizer que o exercício não seja bom para você; é, na verdade, ótimo para você. Ele transmite uma incrível variedade de benefícios para a saúde.

Mas – e todos nós odiamos ouvir isso – muitos especialistas, embora exaltem os benefícios do exercício, dizem que o principal vilão quando se trata de excesso de peso é o que está no nosso cardápio. Para perder peso, temos que cortar calorias.

O exercício ajuda a manter os quilos perdidos, mas o exercício sozinho não pode fazer o trabalho inicial de perdê-lo.

Para ter certeza, algumas pessoas podem perder peso, dizem especialistas. Estes incluem aqueles que se exercitam vigorosamente por longos períodos e atletas profissionais, que tipicamente praticam exercícios de alta intensidade.

Além disso, exercícios moderados realmente não queimam tantas calorias, especialmente quando se pensa em um único pedaço de bolo de chocolate, que tem entre 200 e 500 calorias. A maioria das pessoas queima apenas cerca de 100 calorias por cada quilômetro de corrida ou caminhada, embora isso possa variar dependendo da pessoa, de acordo com Joyner. Dito de outra forma, para perder um quilo, você deve ter um déficit de cerca de 3.500 calorias – o que significa que, se você queimar um excesso de 500 calorias por dia, levaria uma semana para soltar a libra.

“Eu acho que o papel do exercício na perda de peso é altamente superestimada”, diz Marc Reitman, chefe do departamento de diabetes , endocrinologia e obesidade do Instituto Nacional de Diabetes e Doenças Digestivas e Renais, ou NIDDK. “Eu acho que é realmente ótimo para ser saudável, mas eu acredito fortemente que comer demais é o que causa a obesidade. Exercitar o seu caminho para comer demais é impossível.

razão provável é que as pessoas tendem a compensar as mudanças na ingestão de alimentos e atividades físicas sem exercício, escreveu Hall. Ou, como Joyner coloca: “Se as pessoas substituem o tempo de não-exercício – mas de outra forma ativa – pelo tempo sedentário, às vezes as coisas se cancelam”.

Treinamento de força ou treinamento de resistência – levantamento de pesos, por exemplo – também é importante para a saúde geral, mas, como acontece com outras formas de exercício, não provoca perda de peso. (Na verdade, isso pode fazer com que a leitura na escala aumente um pouco, porque o músculo é mais denso que a gordura.) No entanto, “o treinamento de força é bom para manter o tecido magro”, diz Joyner.

E você não pode contar com exercícios para aumentar seu metabolismo por várias horas depois.

“Exercício, se suficientemente duro e longo o suficiente, certamente pode fazer isso”, diz Joyner. “Mas, novamente, depende de quanto, do tipo e do grau de dificuldade. Um passeio de duas milhas, embora seja uma coisa boa, não fará muito para o metabolismo em repouso.”

Mas agora a boa notícia: o exercício continua sendo uma das melhores coisas que você pode fazer por si mesmo. Aumenta a saúde de várias maneiras.

 

Um mais um é mais que dois

Além do treino, veja dicas para emagrecer rápido e com saúde:

Beba água: beber pelo menos 500ml de água 30 minutos antes de todas as refeições ajuda a emagrecer.

+ Cinco motivos para você beber a quantidade certa de água por dia

Não invente: faça uma dieta que mais se adeque ao seu perfil! Estudo grande publicado no Jama mostrou que o resultado da maioria das dietas é similar, ou seja, o importante é efetivamente você seguir a dieta. Óbvio que uma dieta é individualizada e, portanto, é fundamental consultar um nutricionista para adequar a sua. Evite seguir dietas “que a amiga fez” ou alguma das disponíveis na internet.

+ Sabe a diferença entre as dietas Low fat, Low carb e Cetogênica?

Evitar bebidas alcoólicas: além das calorias presentes na cerveja ou nos destilados, o álcool diminui os níveis hormonais de testosterona, portanto você diminuirá o anabolismo muscular e, também, fará menos queima de gordura! O que não vai te ajudar emagrecer.

+ Álcool, açúcar, embutidos e frituras: inimigos do desempenho

Durma cedo: o hormônio do crescimento é secretado, principalmente, 2 a 3h após o início do sono. Ele é um dos mais importantes hormônios do corpo e é responsável por estruturar a massa óssea, os músculos e mobilizar os adipócitos através da ação do IGF-1. Outro fator que diminui a secreção do GH, em até 70%, é o consumo regular e abusivo do álcool e do cigarro.

+ Sono e descanso têm papel decisivo nos efeitos dos exercícios

Troque o mercado pela feira: estudo de Turner-MacGrievy GM mostrou em acompanhamento de dois anos que uma dieta predominantemente vegetariana efetivamente contribui para a perda de peso. Mas lembre-se que dietas vegetarianas são pobres em proteína, portanto, faça uma consulta com um nutricionista para adequar a sua dieta.

+ Alimentos coloridos têm mais nutrientes; entenda

Faça sexo: estudo publicado no New England Journal of Medicine mostrou que fazer sexo ajuda na perda de peso de pacientes obesos. Esse é um fato muito importante para o homem do ponto de vista hormonal, porque o obeso possui naturalmente maior conversão e secreção de estrogênio pelos adipócitos e, portanto, menor libido. Já a prática de exercícios comprovadamente aumenta a produção de testosterona, hormônio este que aumenta a libido.

+ Sexo antes do esporte traz disposição e ajuda na recuperação

Faça meditação: estudo de Christaki E. publicado no Journal of Human Nutrition and Dietetics mostrou que indivíduos obesos tiveram maior perda de peso em um programa de diminuição do stress.

Exercícios para emagrecer
Rate this post

Recomendados Para Você: